Fortaleza luta no STJD para não cair

O Fortaleza ingressa nesta segunda-feira, no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), com um processo que pede a perda de pontos do Grêmio por utilização de jogador com dois registros durante a disputa do Campeonato Brasileiro. O departamento jurídico do clube cearense, que foi rebaixado para a Série B, não revelou o nome do atleta envolvido. A luta do Fortaleza é para permanecer na primeira divisão nacional. Afinal, caso o STJD condene o Grêmio a perder os pontos, seria o clube gaúcho quem cairia para a Série B, no lugar do time cearense. Enquanto o Fortaleza terminou o Brasileiro com 49 pontos, o Grêmio somou 50.Outra frente - Além da iniciativa do clube, o advogado João Quevedo promete entrar com ação na Justiça comum para pedir o rebaixamento da Ponte Preta, novamente no lugar do Fortaleza, alegando erro na forma de retirada de pontos pelo próprio STJD. "No lugar de três pontos era para retirar cinco", defende ele. A representação será encaminhada dia 5 de janeiro ao Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro. Durante o Brasileiro, a Ponte perdeu pontos nos jogos contra o Internacional e Juventude por ter escalado irregularmente o jogador Roberto.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.