Bruno Oliveira / Fortaleza EC
Bruno Oliveira / Fortaleza EC

Fortaleza se impõe e vence o Red Bull Bragantino por 3 a 0 na Arena Castelão

Wellington Paulista, duas vezes, e Romarinho marcaram os gols da equipe cearense

Redação, Estadão Conteúdo

29 de agosto de 2020 | 23h38

Com relativa facilidade, o Fortaleza venceu o Red Bull Bragantino, por 3 a 0, neste sábado à noite, na Arena Castelão pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro. O time dirigido por Rogério Ceni propôs o jogo desde o início, soube tirar proveito da vantagem de atuar com um jogador a mais no segundo tempo e poderia até ter marcado mais gols.

Sem perder há quatro jogos e com oito pontos, o Fortaleza aparece na sétima posição, enquanto o Red Bull Bragantino sofreu sua segunda derrota seguida, porque na rodada anterior caiu diante do Coritiba por 2 a 1 e continua com cinco pontos, em 15.º lugar.

O primeiro tempo começou com os dois times se estudando. O Fortaleza armado no esquema 4-3-3, disposto a atacar para vencer em casa. O Red Bull Bragantino com muitas mudanças, sentindo a falta de entrosamento e sem força de criação para chegar no ataque em condições de finalizar.

O gol quase saiu aos 29 minutos quando Wellington Paulista ajeitou de cabeça para David, que se atrapalhou na pequena área e chutou por cima do travessão.

O próprio centroavante abriu o placar aos 38 minutos, num bonito lance. Após aliviada da defesa, Bruno Melo e David desviaram de cabeça e a bola sobrou para a corrida de Wellington Paulista. Ele percebeu o goleiro Cleiton adiantado e tocou por cobertura. Um golaço.

Antes do término do primeiro tempo, o time paulista ficou com um jogador a menos. Weverson deu uma entrada de sola em Tinga e acabou expulso. Inicialmente ele levou o cartão amarelo, mas com a ajuda do VAR o árbitro Rafael Traci (SC) percebeu a imprudência do lateral e aplicou o cartão vermelho.

O Fortaleza voltou melhor no segundo tempo e ampliou aos 14 minutos. Tinga desceu pelo lado direito e cruzou, Wellington Paulista não alcançou mas a bola sobrou para o chute forte de Marlon que ainda tocou nas moas de Cleiton antes de entrar. Dois minutos depois quase que Wellington Paulista marca outro gol por cobertura, mas desta vez ele pegou fraco e permitiu a recuperação de Cleiton, perto da linha de gol.

Sem ser ameaçado pelo adversário, o Fortaleza manteve o bom ritmo, mesmo com várias trocas efetuadas pelo técnico Rogério Ceni. Aos 40 minutos, Gabriel Dias cruzou da linha de fundo para trás e Wellington Paulista chutou forte à meia altura para fazer 3 a 0. Placar fechado.

Os dois times voltam a campo na próxima quarta-feira pela sétima rodada. O Fortaleza vai fazer o clássico com o Ceará, enquanto o Red Bull Bragantino vai sair diante do Athletico, na Arena da Baixada, em Curitiba (PR).


FICHA TÉCNICA

FORTALEZA 3 X 0 RED BULL BRAGANTINO

FORTALEZA - Felipe Alves; Tinga (Gabriel Dias), Jackson (Paulão), Quintero e Bruno Melo; Felipe, Romarinho (Fragapane) e Marlon; David (Yuri César), Wellington Paulista e Osvaldo (Éderson). Técnico: Rogério Ceni.

RED BULL BRAGANTINO - Cleiton; Weverton (Aderlan), Léo Ortiz, Realpe e Weverson; Ryller, Bruno Tubarão (Barreto) e Lucas Evangelista (Leandrinho); Artur (Luis Phelipe), Chrigor (Jan Hurtado) e Morato. Técnico - Felipe Conceição.

GOLS - Wellington Paulista aos 38 minutos do primeiro tempo. Romarinho aos 14 e Wellington Paulista aos 40 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Rafael Traci (SC).

CARTÕES AMARELOS - Bruno Melo e David (Fortaleza). Aderlan e Realpe (Red Bull Bragantino)

CARTÃO VERMELHO - Weverson (Red Bull Bragantino)

LOCAL - Arena Castelão, em Fortaleza (CE).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.