Lucas Uebel/Vipcomm
Lucas Uebel/Vipcomm

Fossati cobra evolução do Internacional após empate

Técnico fica insatisfeito com equipe gaúcha e lamenta gols perdidos no 1 a 1 com o Veranópolis

AE, Agencia Estado

15 de março de 2010 | 11h36

Apesar de ter escalado uma equipe mista para enfrentar o Veranópolis, fora de casa, no último domingo, pelo Campeonato Gaúcho, e o seu time ter buscado o empate por 1 a 1 com o adversário, o técnico Jorge Fossati cobrou uma maior evolução do Internacional nas próximas rodadas da competição.

"Tivemos poder reação e buscamos o empate. É claro que queríamos sair com a vitória, criamos diversas oportunidades, mas não conseguimos fazer mais gols. Precisamos melhorar", ressaltou o treinador.

O meia argentino D'Alessandro, que fez o gol que garantiu o empate ao Internacional, lamentou, por sua vez, o resultado. "Foi importante o jogo, porque joguei os 90 minutos, mas não foi bom porque o Inter não ganhou", analisou o jogador.

Já o vice-presidente de futebol do Internacional, Fernando Carvalho, minimizou o fato de o time ter apenas empatado com o Veranópolis ao lembrar que o foco principal da equipe atualmente não é o Campeonato Gaúcho.

"O resultado foi bom. É jogo de Gauchão. Estamos administrando nossa participação no Gauchão simultaneamente à Libertadores", afirmou o dirigente, se referindo ao fato de que o Internacional enfrentará o Cerro de Montevidéu, em Rivera (URU), na próxima quinta-feira, pelo Grupo 5 da Copa Libertadores.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.