Paulo Pinto/AE - 25/04/2011
Paulo Pinto/AE - 25/04/2011

FPF nega o pedido do São Paulo e mantém clássico no domingo

Time tricolor não deve contar com Lucas para o jogo contra o Palmeiras, dia 26

estadão.com.br (com ESPN),

17 de fevereiro de 2012 | 16h14

SÃO PAULO - A  Federação Paulista de Futebol (FPF) negou o pedido do São Paulo para alteração da data e o clássico com o Palmeiras, válido pela 10ª rodada do Campeonato Paulista, será mesmo no domingo, dia 26, às 16 horas.

O pedido do São Paulo aconteceu mediante a convocação do meia-atacante Lucas, chamado para o amistoso da seleção brasileira contra a Bósnia, no dia 28, na Suíça. O jogador deverá embarcar no sábado à noite e por isto não deverá estar em campo na partida em Presidente Prudente.

O São Paulo se apoiou em dois pedidos de antecipação já feitos pelo Santos no Paulistão para tentar a mudança da data do clássico. No entanto, como o jogo com o Palmeiras é o principal da rodada e terá transmissão ao vivo na TV aberta, a situação permaneceu inalterada.

Por causa da convocação de Neymar, Paulo Henrique Ganso e Rafael para a seleção, o Santos conseguiu antecipar duas partidas. O jogo contra o Comercial, inicialmente marcado para a próxima quinta-feira, foi antecipado para quarta-feira de Cinzas, às 19h30, na Arena Barueri.

Outra partida que também mudou de data foi o duelo contra a Ponte Preta. Agendado inicialmente para o dia 26, o jogo foi remarcado para o dia 25, sábado, na Arena Barueri.

Após a vitória sobre o Guarani, na última quinta-feira, o técnico Emerson Leão manifestou o seu desejo de alterar a data do clássico para poder ter Lucas em campo. "Deveria acontecer (a antecipação). É o tal do bom senso. Se antecipou dois jogos do Santos, por que não fazê-lo. Se o Campeonato Carioca disse que o Vasco e o Flamengo chegarem à final vão conseguir liberação, se o treinador da seleção falou que o atraso pode ser relevado. O que não dá é para atender só um pedido", afirmou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.