Epitacio Pessoa/AE - 16/6/2006
Epitacio Pessoa/AE - 16/6/2006

FPF proíbe torcida uniformizada do Palmeiras em São Paulo

A decisão foi tomada nesta quarta-feira e entra em vigor imediatamente

AE, Agência Estado

31 de agosto de 2011 | 18h34

SÃO PAULO - A torcida organizada do Palmeiras, a Mancha Alviverde, antiga Mancha Verde, está proibida de entrar nos estádios paulistas. A decisão foi tomada pelo Presidente da Federação Paulista de Futebol (FPF), Marco Polo Del Nero, e anunciada nesta quarta-feira. Ela entra em vigor imediatamente.

A decisão de Del Nero é uma resposta ao confronto entre a Polícia Militar e a Mancha Alviverde, antes do clássico Palmeiras e Corinthians, domingo, em Presidente Prudente, com vitória do Palmeiras por 2 a 1. A FPF alega que houve, por parte da torcida, "desobediência às orientações e medidas de ordem preventiva adotadas para assegurar a tranquilidade e a segurança dos torcedores no estádio".

Na ocasião, dois torcedores do Palmeiras foram baleados. Um foi atingido na cintura e continua internado em estado grave, enquanto o outro acabou atingido na perna e já recebeu alta do hospital. Há a suspeita de que as balas tenham partido da Polícia Militar. Um dos torcedores acusou a PM. Minutos antes do tumulto, foi feita uma denúncia pelo número 190 da Polícia Militar para relatar que membros da organizada do Palmeiras partiram de São Paulo armados.

Pela decisão de Marco Polo Del Nero, a Mancha Alviverde fica proibida de entrar nos estádios de São Paulo até que sejam apurados os fatos e os responsáveis punidos nos termos do Estatuto do Torcedor. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.