Sergei Grits/AP
Sergei Grits/AP

França consegue virada e mantém pressão na Espanha

Franceses só ficam atrás de espanhóis nos critérios de desempate do Grupo I

AE, Agência Estado

10 de setembro de 2013 | 18h21

BIELURRÚSIA, Gomel - Depois do tropeço na última sexta-feira, quando empatou fora de casa com a Geórgia e ficou em situação ruim no Grupo I das Eliminatórias Europeias da Copa de 2014, a França sofreu para se recuperar nesta terça-feira. Jogando em Gomel, a seleção francesa ganhou de virada da Bielorrússia, por 4 a 2, e manteve a pressão sobre a líder Espanha, que folgou na rodada.

Se voltasse a tropeçar nesta terça-feira, a França deixaria a Espanha praticamente classificada. Agora, porém, as duas seleções estão com os mesmos 14 pontos, mas os espanhóis levam vantagem nos critérios de desempate e ainda têm um jogo a menos - apenas o líder do grupo garante vaga direta na Copa, enquanto o segundo colocado cai na repescagem europeia.

A Espanha folgou nesta terça-feira nas Eliminatórias e aproveitou para fazer um amistoso contra o Chile - empate por 2 a 2 na Suíça. Enquanto isso, a França sofreu para conseguir a vitória contra a lanterna Bielorrússia (tem apenas quatro pontos). Filipenko colocou os donos da casa em vantagem ainda no primeiro tempo, mas a virada francesa veio na segunda etapa.

Eleito pela Uefa como o melhor jogador do futebol europeu na última temporada, Ribéry empatou o jogo em cobrança de pênalti logo aos dois minutos do segundo tempo. A Bielorrússia voltou a ficar em vantagem com o gol de Kalachev aos 12. Mas Ribéry marcou mais um para a França aos 19. Depois, Nasri, aos 25, e Pogba, aos 28, garantiram a vitória francesa.

Em outro jogo disputado nesta terça-feira no Grupo I, único das Eliminatórias Europeias que conta com apenas cinco seleções, a Finlândia visitou a Geórgia em Tbilisi e venceu por 1 a 0, com gol de pênalti de Eremenko. Assim, os finlandeses chegaram as nove pontos, na terceira colocação da chave, e deixaram o time da casa com apenas cinco, na penúltima posição.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.