Javier Lizon/EFE
Javier Lizon/EFE

França dispensa seis com chegadas de Varane e Benzema

Jogadores auxiliaram nos treinos e estavam na lista de 30 nomes enviadas à Fifa

Agência Estado

28 de maio de 2014 | 20h47

SÃO PAULO - Um dia depois de golear a Noruega por 4 a 0, em Saint Dennis, no primeiro amistoso de preparação para a Copa do Mundo, a seleção da França passou por uma reformulação nesta quarta-feira. Foram embora seis jogadores que só estavam com o grupo para ajudar a compor os treinamentos e chegaram os campeões europeus.

Benoît Trémoulinas, Loïc Perrin, Maxime Gonalons, Rémy Cabella, Morgan Schneiderlin e Alexandre Lacazette foram convocados dentro da lista de 30 atletas que a França enviou, por obrigação, à Fifa, mas não estavam entre os 23 escolhidos por Didier Deschamps. Mesmo assim treinaram com o grupo até esta quarta.

O goleiro Stéphane Ruffier também fazia parte deste grupo, mas acabou ficando com o elenco por conta da lesão de Steve Mandanda. A partir do treino desta quinta-feira, assim, serão só 23 jogadores trabalhando em Clairefontaine, no CT da Federação Francesa de Futebol (FFF).

Nesta quarta-feira o grupo ficou completo com a chegada do atacante Karim Benzema e o zagueiro Raphael Varane, que tiveram três dias de descanso depois de serem titulares do Real Madrid na conquista da Liga dos Campeões, sábado, em Lisboa.

Ainda sem eles, os reservas da França participaram de um jogo-treino nesta quarta, contra o time sub-19 do Paris FC, vencendo por 5 a 0. O elenco deve treinar normalmente quinta e sexta para, domingo, entrar em campo em Nice, contra o Paraguai. Uma semana depois a França faz seu amistoso de despedida do país, diante da Jamaica.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.