França terá pelo menos seis da final de 98

Mesmo desfalcada de alguns de seus titulares atuais, o técnico Jacques Santini vai colocar em campo nesta quinta-feira contra o Brasil no Stade de France, uma equipe muito semelhante a que disputou a Copa de 98, pelo menos com seis jogadores que derrotaram o Brasil e alguns dos seus jogadores mais conhecidos atualmente : Zidane, Thuran, Desailly e outros nomes que participaram como reservas da Copa de 98, entre eles o jovem Thierry Henry, hoje titular absoluto e um dos jogadores de mais destaque da Europa. Setenta mil pessoas assistem o espetáculo no Stade de France, pois os franceses consideram "um privilégio " jogar contra o Brasil , mesmo sendo essa uma partida amistosa em comemoraçâo aos 100 anos da Fifa. Estão fora do jogo o goleiro Barthez , mas também Sagnol e Lizarazu, ambos do Bayern de Munique. Os quatro convocados do Mônaco foram também dispensados pelo técnico Jacques Santini, poupados para a partida contra o Porto, final da Liga dos Campeõs na próxima semana.O interesse pela partida foi parcialmente prejudicado pela inesperada presença de dois clubes franceses nas finais da Copa da Uefa e da Liga dos Campões - respectivamente, Olympique de Marselha e Mônaco - mas mesmo assim a partida comemorativa do centenário da Fifa promete. As atenções estarão concentradas em dois trios atacantes, o brasileiro formado por Ronaldinho, Kaká e Ronaldo, muito temido pelos franceses, mas que confiam também no seu trio de atacantes formado por Zidane, Thierry Henry e Pires.Não se pode esquecer que a equipe da França está invicta há um ano e meio, desde o dia 18 de fevereiro de 2003, quando foi derrotada por dois a zero pela República Tcheca, no Stade de France. Uma vitória contra o Brasil faria um bem enorme a equipe francesa que estréia no Euro contra a equipe da Inglaterra. O mesmo se pode dizer do Brasil, cujo moral se elevaria no caso de uma vitória em Paris, na preparação de sua partida contra a Argentina pelas eliminatórias.A França entra em campo com uma equipe base que vai disputar o Euro 2004 , no mês de junho em Portugal. Com exceção do goleiro Coupet, do Lyon, e Armand, do Nantes, os demais fazem parte da diáspora francesa que atua pelos grandes países de futebol na Europa, Inglaterra, Itália e Espanha. Os franceses vão utilizar uma camiseta azul no primeiro e segundo tempo, pois os franceses desde o início do século sempre mantiveram suas camisetas com a mesma cor. O calção será banco com uma faixa azul na base. No banco da França alguns jogadores como Wilttord, Mendy ( Paris Saint Germain ) e Saha, o jovem atacante francês do Manchester, tido como uma das grandes revelações do futebol europeu desta temporada.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.