Franceses lutaram como leões contra Portugal, diz Henry

Autor da jogada do pênalti, que resultou no gol que deu a vitória à França, por 1 a 0, sobre Portugal, o atacante Thierry Henry elogiou a garra dos jogadores franceses no jogo desta quarta-feira, em Munique, pela semifinal da Copa do Mundo. "Uma coisa que fez diferença foi que depois de marcarmos o gol de pênalti, nos defendemos muito bem. Estivemos como leões em campo e não corremos muitos riscos. Foi possível ver que neste time houve desejo e comprometimento e tudo isto acrescido de técnica. Fomos brilhantes até agora", disse o atacante, que falou sobre a união do grupo."A França é uma equipe. Eu sempre digo que não se trata de brilhar sozinho, mas sim como um time e não importa quem brilha. Hoje tive minha recompensa pessoal, pois fiz parte da jogada em que aconteceu o pênalti", comentou Henry.O meia Zinedine Zidane achou que a França "passou por alguma dificuldade no começo do jogo." No entanto, o francês transformou o problema em motivação. "Isto nos fez mais fortes porque nós soubemos lidar com a pressão." Já o volante Florent Malouda acredita que "agora é preciso ter seriedade e já se preparar para enfrentar a Itália."Com o gol marcado por Zidane, aos 32 minutos de jogo, a França chegou à sua segunda final de Copa do Mundo. A partida contra a Itália será no domingo, em Berlim, às 15 horas (de Brasília).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.