Fratura no pé deixa Diogo um mês fora da Portuguesa

Destaque do time lusitano se machucou na vitória sobre o Santos e cria problema para o técnico Benazzi

Agência Estado

17 de janeiro de 2008 | 12h09

A Portuguesa vai ficar sem o atacante Diogo por aproximadamente um mês, segundo o departamento médico do clube. O jogador sofreu uma pequena fratura no pé direito, na vitória por 2 a 0 sobre o Santos, no Estádio do Morumbi, na estréia do Campeonato Paulista.Veja também: Classificação Calendário / Próximos jogos Santos perde para a Portuguesa na estréia no Paulistão Guia do Paulistão 2008O jogador lamentou contusão no início da temporada. "Infelizmente acontece isso no futebol. O negocio agora é esperar para ter novas oportunidades. O Campeonato está apenas começando." De fora, ele vai ficar torcendo para que seu substituto de conta do recado. Pode ser Marcelo de Farias, que entrou em seu lugar, e fez o segundo gol, ou Leandro Carrijo, ex-Atlético Mineiro, que pode fazer sua estréia.Mas Diogo não é um problema isolado no departamento médico da Portuguesa. O técnico Vagner Benazzi teve outra má notícia: o lateral-esquerdo Juninho Goiano está passando por uma cirurgia de apêndice, no Hospital São Luiz do Morumbi, e vai desfalcar o time. A Portuguesa volta ao gramado no sábado, quando vai enfrentar o Ituano, no estádio Novelli Júnior, em Itu, às 18h10.

Tudo o que sabemos sobre:
PortuguesaDiogoPaulistão A-1

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.