Fred comemora vitória de companheiros e diz que título é objetivo no Brasileirão

Artilheiro não pode atuar pelo clube mineiro na Copa do Brasil

Estadão Conteúdo

27 Outubro 2016 | 20h37

Artilheiro do Campeonato Brasileiro, Fred reencontrou o caminho para o gol com a camisa do Atlético-MG. Na quarta-feira à noite, entretanto, em um dos jogos mais importantes do time desde sua chegada a Belo Horizonte, ele foi apenas um torcedor de sofá. Como já havia atuado pela Copa do Brasil pelo Fluminense, não pode jogar a competição.

A torcida pelos companheiros deu certo e o Atlético venceu o Inter por 2 a 1 no Beira-Rio. "Ontem (quarta) foi, como sempre, sofrimento. A equipe jogou bem, impôs o ritmo. A sensação é que demos um passo importante. Não tem nada definido, mas a gente sabe da força do nosso time em casa, principalmente com o torcedor empurrando os jogadores", comentou Fred, nesta quinta, em entrevista coletiva.

O jogo de ida da semifinal da Copa do Brasil, porém, já é passado. Como disse o centroavante, agora é hora de desligar do Internacional e focar no Flamengo, rival do próximo sábado, pelo Brasileirão. Com 13 gols no torneio, Fred sabe que a responsabilidade para esse jogo é ainda maior que a usual.

Primeiro porque Fla e Atlético têm uma das maiores rivalidades nacionais do País. Segundo porque vale a vice-liderança do torneio e o time mineiro ainda sonha em chegar ao título. Ou seja: domingo é vencer ou vencer.

"Esse jogo tem um peso, porque é confronto direto, que nos coloca com chance de título, que é nosso objetivo. Mas quando se trata de clássico nacional, com mais de 30 mil ingressos vendidos e a gente jogando em casa, empolgados, vamos fazer de tudo para vencer mais uma vez. Estamos confiantes. Vamos transformar essa responsabilidade em coisas boas para deixar nosso torcedor feliz e encostar no Palmeiras", prometeu.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.