Fred prevê dificuldade para furar retranca do Libertad

Depois do sufoco para obter a vaga nas oitavas de final, o Fluminense deverá ter dificuldade para furar a retranca do Libertad, previu o atacante Fred nesta quarta-feira, véspera da partida contra os paraguaios, no Engenhão.

AE, Agência Estado

27 de abril de 2011 | 18h39

"Sofremos com esquemas fechados na primeira fase e enfrentaremos uma equipe com capacidade. Mas estamos na nossa casa, com a força da nossa torcida, e precisamos fazer valer essa vantagem", pregou o atacante, preocupado também com a defesa. "Sabemos que não podemos levar gol. Por isso, vamos manter a bola na frente, atacar forte e defender bem desde a nossa linha de frente, comigo e o (Rafael) Moura".

Fred também acredita que o jogo será marcado pela tradicional catimba, comum nos jogos da Copa Libertadores. "Eu gosto dessas partidas aguerridas, de mata-mata. Temos jogadores que estão nesse clima e vêm se destacando, como o Valencia e o Marquinho, que foi o melhor do time nos últimos jogos. Peço ao nosso torcedor que marque presença e ajude a pressionar o Libertad", convocou.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolFluminenseFred

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.