Fred reconhece má fase, mas promete gols no Brasileiro

Sem balançar as redes há quase um mês, o atacante Fred reconheceu que passar por uma má fase no Fluminense, mas prometeu a marcar gols durante o Brasileirão. "Quero voltar a marcar logo. Quanto mais difícil, melhor é o gosto da vitória no final", afirmou.

AE, Agencia Estado

21 de maio de 2009 | 16h35

Após a eliminação na Copa do Brasil na noite de quarta-feira, o atacante, que estreou com dois gols no Fluminense, admitiu a fase ruim. "Não sei o que está acontecendo. Todos trabalham sempre para eu fazer os gols e eu também. Mas a vida é assim, pensava que ia ser um pouco mais fácil, mas não tem problema", disse Fred, que não se deixa abater pelo momento pouco favorável.

"Daqui a pouco as coisas vão melhorar. Se tivéssemos um resultado positivo contra o Corinthians, talvez ninguém falaria disso. Essas fases são normais no futebol", completou. Com cinco gols em 12 jogos, Fred marcou pela última vez no primeiro jogo contra o Goiás, pelas oitavas de final da Copa do Brasil, no dia 30 de abril.

Depois da queda na Copa do Brasil, Fred disse que o time precisa trabalhar muito para mostrar serviço no Brasileiro. "Meu sentimento é só de tristeza. Nesses momentos difíceis só tenho que trabalhar mais. Falar pouco e trabalhar muito, não tem muita explicação para dar. Tomara que o time adquira experiências com essas derrotas para ir bem no Campeonato Brasileiro".

Tudo o que sabemos sobre:
futebolFluminenseFred

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.