Sergio Moraes / AFP
Sergio Moraes / AFP

Fred se torna o terceiro maior artilheiro brasileiro da Libertadores e vibra: 'Especial'

Atacante do Fluminense marca na vitória sobre o Santa Fe nesta quarta-feira

Redação, O Estado de S.Paulo

12 de maio de 2021 | 23h52

A noite desta quarta-feira foi especial para o atacante Fred. Após alcançar a marca de 400 gols na carreira e se transformar no segundo maior goleador na história do Fluminense, o artilheiro bateu mais um recorde. Ele se colocou na terceira posição entre os brasileiros que mais marcaram na Libertadores ao balançar as redes na vitória sobre o Santa Fe por 2 a 1, de virada, no Maracanã.

Fred chegou aos 22 gols na competição continental, empatado com Célio. Na frente da dupla estão apenas: Palhinha, com 25, e Luizão, com 29.

O resultado foi essencial para o Fluminense dar uma respirada e ficar muito próximo da classificação às oitavas de final. O time carioca lidera o Grupo D, com oito pontos, contra seis do River Plate, três do Junior e apenas dois do Santa Fe. Fred analisou o desempenho do time na competição.

"É muito especial (ser o terceiro maior artilheiro brasileiro da Libertadores.). É muito fruto do trabalho que a comissão técnica do Roger tem feito conosco. Estamos em uma sequência muito forte de jogos decisivos. Nosso grupo é considerado um dos mais difíceis. E estamos com oito pontos, fazendo uma temporada boa, não só individual, mas coletiva. Estamos muito satisfeitos com este início", disse o atacante.

Fred também ressaltou a importância de jovens talentos, que cresceram sob o comando do técnico Roger Machado. O atacante ainda deixou claro que o Fluminense está pensando alto, com o intuito de buscar o título da Libertadores.

"Nossa equipe é muito jovem, tem muitos jogadores que nunca participaram da Libertadores. Estão pegando essa casca dentro da competição. Vimos a força de um elenco muito forte, que demonstrou isso hoje com a entrada do Cazares, do Biel e do Caio Paulista, que entraram muito bem e foram decisivos nesta vitória. Estamos encorpando e esperamos fazer uma grande primeira fase para chegar bem nas oitavas e irmos em busca desse título tão sonhado", finalizou.

Antes do confronto com o Junior, na próxima terça, novamente no Maracanã, o Fluminense fará a final do Campeonato Carioca diante do Flamengo, neste sábado. Sobre sua artilharia na Libertadores, Fred tem a bênção de Luizão, que lidera essa corrida há anos.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.