Fumagalli diz que ainda precisa melhorar no Vasco

O meia Fumagalli afirmou, nesta sexta-feira, que ainda precisa evoluir para poder ajudar o Vasco a garantir o acesso à elite do futebol nacional. Apesar de ter participado da partida em que o time carioca goleou o Vila Nova por 4 a 1, na última terça-feira, pela Série B do Campeonato Brasileiro, o jogador acredita que o seu desempenho deixou a desejar no confronto.

AE, Agencia Estado

16 de outubro de 2009 | 11h39

"A partida contra o Vila foi boa pela vitória alcançada, porque o Vasco precisava muito voltar a vencer. Todos os jogadores tiveram uma boa atuação, mas no meu individual eu sei que ainda posso melhorar mais e vou continuar trabalhando para conseguir ajudar muito o Vasco", afirmou Fumagalli, que destacou o poder de concentração da equipe, criticada pelos torcedores em alguns momentos no confronto disputado em São Januário.

"Já esperávamos um jogo difícil contra o Vila Nova e não foi diferente. Marcamos, cedemos o empate, mas depois acertamos. Eu senti que toda a equipe estava bem concentrada na partida e esta concentração foi fundamental para a nossa vitória", reforçou.

Já o zagueiro Titi, autor de um dos gols do Vasco na vitória sobre o Vila Nova, admitiu que cometeu falhas no confronto. "No meu ponto de vista, não fui tão bem no jogo porque errei alguns lances, mas fico feliz por ter marcado um gol em uma partida tão importante. Eu estava sentindo muita saudade de jogar, de concentrar, fico feliz pelo gol. Foi um presente que ganhei e espero colher os frutos com a minha equipe", disse.

Para o jogo contra o ABC, na próxima terça-feira, em Natal, Titi espera um confronto complicado, apesar de o adversário hoje ocupar um lugar na zona do rebaixamento da Série B. "Cada partida que passa a dificuldade aumenta e na terça vai ser mais uma partida difícil, tem que estar muito concentrado. O adversário quer a vitória para escapar da situação que vive na tabela, mas o Vasco também quer vencer porque temos o nosso objetivo no campeonato e vamos lutar para a vitória e o título", analisou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.