Futebol faz festa para "mestre Telê"

O futebol brasileiro, mais do que nunca, sente a falta de seu grande mestre. Longe dos gramados desde o início de 1996, Telê Santana da Silva, considerado por muitos o maior técnico do país em todos os tempos, completa hoje 70 anos de idade. Em seus tempos como treinador do São Paulo, logo após o bicampeonato mundial em 1992/93, Telê pensava em desfrutar uma doce aposentadoria em longas pescarias e viagens ao lado da mulher, Ivonete. A isquemia cerebral que sofreu há cinco anos e meio não deixou. A bola, sua grande paixão, também já não é mais companheira daquele que conseguiu a simpatia e o respeito de torcedores de todos os clubes, mesmo não tendo conseguido ganhar uma Copa do Mundo.Leia mais no Estadão

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.