Futebol feminino já fala em título

Depois de golear a Coréia do Sul por 3 a 0 na estréia e a campeã olímpicaNoruega por 4 a 1 na quarta-feira, a seleção brasileira volta a campo neste sábado pela última rodada da primeira fase da Copa do Mundo Feminina, em Washington. Em jogo que deve ratificar a classificação para as quartas-de-final, o Brasil enfrenta às 13h45 a França, com transmissão ao vivona ESPN Brasil. ?Não vejo ninguém, incluindo os Estados Unidos (seleção campeã mundial), que queira nos encontrar após aquele desempenho que tivemos contra a Noruega?, diz a atacante Daniela, que marcou um dos quatro gols da última partida. O Brasil está invicto, com seis pontos. Se empatar, irá a sete e garantirá uma das duas vagas do Grupo B, já que não poderá mais ser alcançado pela Noruega e pela França, que têm três. Mas mesmo perdendo a seleção deve se classificar, pois temgrande vantagem no saldo de gols: seis positivo, contra um negativo dos concorrentes. Caso haja empate nos dois jogos deste sábado (França e Brasil, Coréia do Sul e Noruega), classificam-se Brasil e Noruega, que temvantagem em relação à França tanto no número de gols marcados (três contra um) quanto no confronto direto: venceu por 2 a 0 na estréia. Sem falar na vantagem de ter pela frente a Coréia, que perdeu suas duas partidas. Se o jogo contra a França estiver fácil, talvez Milene, que está no elenco contra a vontade do técnico Paulo Gonçalves, tenha uma chance. A mulher de Ronaldo, convocada para dar visibilidade à equipe, ainda não saiu do banco de reservas. Com a boa campanha, Gonçalves já pensa no título. ?É importante vencer a Copa do Mundo porque segundo ou terceiro lugar não representa nada no Brasil.? Se as brasileiras terminarem em primeiro lugar no grupo, não devem enfrentar as norte-americanas, atuais campeãs mundiais e favoritas ao título: venceram por enquanto a Suécia (3 a 1) e a Nigéria (5 a 0) e lideram o Grupo A, seguidas das norte-coreanas e das suecas, com três pontos. A última rodada será domingo. A goleada dos EUA sobre a Nigéria foi vista por 31 mil espectadores no estádio Lincoln Financial Field, de Filadélfia. A veterana Mia Hamm marcou dois gols e já tem 144 na carreira. No Grupo C, a Alemanha, que venceu os dois primeiros jogos e já está classificada para a próxima fase, joga neste sábado para cumprirtabela contra a Argentina, que só apanhou até agora: 6 a 0 do Japão e 3 a 0 do Canadá. Canadá e Japão, empatados com três pontos, disputam a outra vaga. No Grupo D, a Rússia, que na quinta-feira venceu Gana por 3 a 0, já está nas quartas. A outra vaga está entre China (quatro pontos) e Austrália (um ponto). E pode ser decidida no saldo de gols, já que a China terá pela frente a Rússia e a Austrália jogacontra Gana, já eliminada.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.