Divulgação/CBF
Divulgação/CBF

Futebol masculino tenta encerrar longo jejum no Pan de Toronto

Seleção terá 'time B' e não teve preparação adequada

MARCIO DOLZAN, ENVIADO ESPECIAL A TORONTO, O Estado de S. Paulo

12 de julho de 2015 | 07h00

Sem conquistar o ouro desde os Jogos Pan-Americanos de Indianápolis, em 1987, a seleção brasileira masculina de futebol começa hoje sua trajetória em Toronto. A partir das 21h35 (horário de Brasília), o time encara os anfitriões pela primeira rodada do Grupo A. E o técnico Rogério Micale está confiante de que o Brasil, enfim, voltará ao lugar mais alto do pódio.

O time é bem diferente daquele que terminou a Copa do Mundo Sub-20, na Nova Zelândia, com o segundo lugar, no mês passado, mas isso não preocupa Micale. “O potencial é muito grande. Costumo dizer que nossa mão de obra, o jogador brasileiro, é muito bom. Pode-se formar inúmeras seleções brasileiras com o material humano que temos”, assegura o treinador.

Com a maior parte do elenco formada por jogadores que atuam no Brasil e vindo de um Mundial, o treinador teve apenas uma semana de treinos na Granja Comary antes da viagem para o Pan. Na quarta-feira, já no Canadá, o time realizou ainda um amistoso contra uma equipe da primeira divisão do país. “O tempo de preparação foi curto, sem dúvida, mas com a capacidade cognitiva desses meninos é fácil de trabalhar”, considera.

“Tivemos muita conversa, trabalho tático e alguns conceitos de jogo que acredito. Esse é o principal. Fisicamente estão quase todos em meio de temporada, então está tudo certo.”

O capitão do time será o zagueiro Luan, titular na equipe principal do Vasco. Ele diz que o grupo de jogadores tem dois objetivos: conquistar o ouro e tentar buscar uma vaga no grupo que disputará os Jogos do Rio, no próximo ano.

“É diferente do que estamos acostumados. Não tem um troféu para levantar, mas tem uma medalha de ouro nos esperando”, destaca Luan.

“Ainda falta um ano para a Olimpíada, mas podemos mostrar que temos condições de estar lá. Com um bom desempenho aqui e uma continuidade de trabalho no clube, podemos ser lembrados.”

Além do Canadá, o Brasil terá pela frente na primeira fase o Peru, na quinta, e o Panamá, dia 20.

Tudo o que sabemos sobre:
Jogos Pan-Americanosfutebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.