AFP
AFP

Futebol na Turquia é suspenso após tiros ao ônibus do Fenerbahçe

Todos os torneios serão suspensos pelo período de uma semana

Estadão Conteúdo

06 de abril de 2015 | 12h01

A Federação Turca de Futebol anunciou nesta segunda-feira, após uma reunião com o ministro dos Esportes do país, a suspensão do futebol nacional por uma semana. A decisão foi adotada dois dias após o ônibus do Fenerbahçe ser alvo de um ataque a tiros após partida do Campeonato Turco.

Depois de golear o Rizespor por 5 a 1, o Fenerbahçe seguia em seu ônibus para o aeroporto de Trabzon, com a intenção de voltar para Istambul, quando foi atacado. Nenhum jogador se feriu, mas o motorista do veículo foi atingido no rosto e precisou ser levado para um hospital. A sua condição de saúde é estável.

Horas antes da federação turca anunciar a paralisação do futebol por uma semana, dirigentes do Fenerbahçe anunciaram que o time não iria voltar a entrar em campo até que a ação contra o clube fosse esclarecida.

Agora, porém, todo o futebol do país está paralisado. "Nós acreditamos que o incidente foi um ataque terrorista, tendo como alvo não só o Fenerbahce, mas o esporte turco. Decidimos adiar todos os jogos do campeonato e da copa por uma semana", afirmou o presidente da Federação Turca de Futebol, Yildirim Demiroren, em entrevista coletiva.

Torcedores do Trabzsonspor são suspeitos do ataque, ocorrido após o Fenerbahçe bater o Rizespor por 5 a 1. O time de Istambul é o segundo colocado no Campeonato Turco, com 56 pontos, dois a menos que o rival Galatasaray.

O próximo jogo do Fenerbahce estava previsto para acontecer na próxima segunda-feira, diante do Bursapor, em casa. Porém, agora poderá ser realizado em uma data posterior, a ser definida pela federação.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.