Vitor Silva/Botafogo
Vitor Silva/Botafogo

Gabriel agradece torcida e cobra time do Botafogo: 'Falar menos'

Equipe alvinegra perde para o Cruzeiro por 2 a 1, no Rio, nesta quinta-feira

Redação, Estadão Conteúdo

01 de novembro de 2019 | 00h42

Apesar de mais de 22 mil torcedores terem marcado presença no Engenhão - recorde de público no ano -, o Botafogo decepcionou e acabou derrotado pelo Cruzeiro, pelo placar de 2 a 0, em um duelo direto na briga contra o rebaixamento, na 29.ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Após o final da partida, o zagueiro Gabriel, lamentou a derrota em casa diante da torcida e fez uma dura cobrança ao elenco, que segundo ele tem que trabalhar mais e falar menos, para sair dessa incomoda situação. "Infelizmente, fizemos um primeiro tempo não tão bom, e eles fizeram o gol. Voltamos do intervalo e pressionamos, mas a bola não entrou. Perdemos um confronto direto, mas temos que levantar a cabeça, falar menos e trabalhar mais. A gordura que tínhamos contra a degola acabou".

A derrota liga o sinal de alerta no Botafogo, que perdeu a segunda seguida e estacionou nos 33 pontos. Em 14.º lugar, o time de Alberto Valentim segue ameaçado pelo risco de rebaixamento. Na próxima rodada, visita o Santos, na Vila Belmiro, domingo, às 19 horas. O treinador destacou que apenas a vitória interessa, mesmo atuando fora de casa.

"Temos que pensar somente no Santos. Como o jogo de hoje foi em uma quinta-feira, temos um dia a menos para recuperar nossos jogadores. De qualquer forma, temos que ter atenção, porque estamos apenas três pontos da zona de rebaixamento, então nosso foco é total em somar pontos fora de casa, mesmo com um time que está brigando na parte de cima da tabela", completou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.