Alexandre Vidal/Flamengo
Alexandre Vidal/Flamengo

Gabriel assume responsabilidade em má fase do Flamengo: 'O time precisa de mim'

Artilheiro da equipe, atacante foi o responsável por evitar a derrota para o Botafogo no Maracanã ao marcar gol de pênalti no fim

Redação, Estadão Conteúdo

23 de agosto de 2020 | 14h08

O Flamengo segue fazendo um início ruim de Campeonato Brasileiro e escapou da derrota neste domingo para o rival Botafogo graças a um gol de pênalti convertido por Gabriel no último lance da partida.

O roteiro foi parecido com o empate contra o Grêmio, quando Gabriel também bateu pênalti nos minutos finais para garantir o empate por 1 a 1. O atacante, uma das referências da equipe, reconheceu que entende que não pode se esconder nesse momento em que o time vem enfrentando uma fase ruim.

"É um momento difícil. Até fizemos um bom jogo, mas não conseguimos um bom resultado. Eu sei que o time precisa de mim nesses momentos, então tenho que me apresentar mesmo nos momentos finais e ajudar da melhor forma", afirmou.

Com o segundo gol marcado no Brasileiro, Gabriel já é o artilheiro do Flamengo. No momento, isso, porém, isso não tem relevância para ele enquanto a equipe rubro-negra não estiver conquistando os resultados desejados.

"Artilharia não interessa, o que importa são os resultados que o time busca. Fui artilheiro duas vezes seguidas e agora quero ser campeão duas vezes seguidas e vamos trabalhar muito para isso", salientou.

O clássico no Maracanã neste domingo foi decidido com drama e dois gols nos acréscimos. Antes de Gabriel marcar de pênalti, Pedro Raul havia aberto o placar para o Botafogo em lindo gol de voleio. O time rubro-negro soma cinco pontos e ocupa a 12ª colocação na tabela, mas pode perder mais posições ao final da rodada.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.