Ivan Sorti/Santos FC
Ivan Sorti/Santos FC

Gabriel já pensa em disputar a Libertadores pelo Santos em 2016

Atacante nega que esteja pensando em deixar o clube

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

04 Novembro 2015 | 13h49

O Santos ainda briga pelo título da Copa do Brasil e uma vaga no G-4, situações que o colocaria na Libertadores do ano que vem, mas o atacante Gabriel já projeta a disputa da competição no ano que vem. Em entrevista coletiva nesta quarta-feira, no CT Rei Pelé, o jogador de 19 anos disse que todo o elenco esbanja confiança na busca por uma vaga no torneio continental.

“Não penso (em não jogar a Libertadores). Penso sempre positivo. Queremos chegar no G-4 e sermos campeões (da Copa do Brasil). Sabemos que será muito difícil, mas esperamos fazer o nosso jogo e manter essa fase, sempre jogando com os pés no chão”, disse o atacante.

Além da necessidade de conseguir a classificação para a Libertadores, Gabriel ainda não sabe se vai continuar no clube na próxima temporada, já que seu nome é especulado em algumas equipes do exterior. O atacante descarta pensar no assunto.

“A vontade é ficar. Claro que não sabemos o que pode acontecer, mas todo mundo sabe que quero ficar aqui para construir uma história e minha vontade é ficar para jogar a Libertadores”, garantiu o santista.

Continuar no Santos também pode significar para o atacante, a possibilidade de continuar a ser observado pelo técnico Dunga e ter a tão esperada oportunidade de ser convocado para a seleção brasileira. “Não vou negar que não é um sonho ir para a seleção brasileira principal. Espero ser convocado, mas tenho que fazer meu trabalho”, ponderou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.