JASON CAIRNDUFF / Action Images via Reuters
JASON CAIRNDUFF / Action Images via Reuters

Gabriel Jesus entra na mira do Real Madrid com valor estimado de R$ 260 milhões, informa jornal

Segundo a imprensa espanhola, atacante brasileiro do Manchester City é oferecido ao clube merengue e pode ser um dos principais nomes da próxima janela de transferências da Europa

Redação, Estadão Conteúdo

07 de junho de 2022 | 10h50

Potencial integrante do elenco da seleção brasileira na Copa do Catar, Gabriel Jesus é um dos nomes avaliados pelo Real Madrid para reforçar o elenco na temporada 2022/23, de acordo com informações divulgadas pela imprensa espanhola nos últimos dias. Com chances de deixar o Manchester City, principalmente após os ingleses contratarem Haaland, o atacante de 25 anos tem sido pauta constante no noticiário do mercado de transferências. Segundo o Marca, o valor estabelecido pelo time inglês para vendê-lo é de cerca de 50 milhões euros (aproximadamente R$ 260 milhões).

O jornalista Antón Meana, da Rádio Cadena SER, informou na segunda-feira que Jesus foi oferecido ao Real Madrid, assim como outros atacantes renomados do futebol europeu, caso de Sterling e Lukaku. Segundo o jornal esportivo Marca, a possibilidade de contratar o brasileiro foi bem recebida pelos dirigentes merengues.

Um dos principais pontos a favor do atacante seria o apreço do treinador Carlo Ancelotti por seu futebol. Existe, contudo, um empecilho referente ao limite de jogadores extracomunitários, como são chamados aqueles que não possuem passaporte europeu. As três vagas permitidas hoje são preenchidas pelos brasileiros Vinícius Jr., Eder Militão e Rodrygo. Vini iniciou o processo para obter dupla cidadania, mas ainda não houve uma conclusão.

O contrato de Gabriel Jesus com o City termina em 2023, por isso a prioridade é vendê-lo nesta janela de transferências, de forma a garantir que ele renda algum lucro aos cofres do clube. 

A possibilidade de Jesus deixar o Manchester City vem movimentando o mercado há algum tempo. Na imprensa inglesa, foi noticiado que o Arsenal era o clube mais próximo de contratar o brasileiro, mas não há nenhuma informação oficial sobre o assunto. Tottenham, Chelsea e Borussia Dortmund também estariam interessados.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.