Divulgação
Divulgação

Gabriel não quer Flamengo pensando em rebaixamento

Time está apenas três pontos acima da zona de descenso para Série B em 2014

AE, Agência Estado

11 de setembro de 2013 | 11h17

RIO - O risco de rebaixamento do Flamengo é real, pois o time está apenas três pontos acima da zona de descenso no Campeonato Brasileiro, mas, para o meia Gabriel, o time não deve pensar nisso nesse momento. De acordo com o jogador, a equipe deve mirar as primeiras colocações para se recuperar logo na competição.

"Temos noção do que está acontecendo. Não é um bom momento, mas quanto mais se pensa lá na parte de baixo da tabela, mais você é puxado para baixo. Há que pensar na frente. Fazendo isso, você vai conseguindo os resultados. Pensamos dessa maneira para chegar na parte de cima", afirmou.

O Flamengo somou apenas 22 pontos nas 19 primeiras rodadas do Campeonato Brasileiro e ocupa apenas a 15ª colocação. A instabilidade é um dos principais problemas do time, que ainda não conseguiu duas vitórias seguidas na competição. Gabriel, porém, prometeu que a equipe embale logo e espera que essa reação se inicie nesta quinta-feira, quando vai receber o Santos, às 21 horas, no Maracanã.

"Com certeza, o nosso time vai encaixar. E quando isso acontecer, será difícil segurar a gente. Inicialmente, dá para chegar lá entre os primeiros dez colocados. Depois, o objetivo será deixar o Flamengo na parte de cima da tabela, conquistando o maior número possível de vitórias", disse.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBrasileirãoFlamengoGabriel

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.