Vitor Silva/SSPress/Botafogo
Vitor Silva/SSPress/Botafogo

Gabriel pede respeito do Botafogo a rival paraguaio e foco em jogo contra o Goiás

Equipe brasileira enfrenta o Sol de América pela segunda fase da Copa Sul-Americana

Redação, Estadão Conteúdo

14 de maio de 2019 | 20h29

O volante Gabriel, do Botafogo, afirmou nesta terça-feira que o seu time precisa respeitar o Sol de América, clube do Paraguai que foi definido na noite da última segunda, por meio de sorteio, como rival da equipe alvinegra na próxima fase da Copa Sul-Americana, independentemente do inevitável favoritismo já atribuído ao clube carioca neste mata-mata.

Atual sétimo colocado do Campeonato Paraguaio, o modesto time sediado em Assunção vai atuar em casa contra os botafoguenses no próximo dia 22, no duelo de ida, antes de as duas equipes voltarem a se enfrentar uma semana depois, no Engenhão, no Rio.

"Não conhecia muita coisa (sobre o Sol de América), mas estava comentando com o (atacante) Erik que eles (paraguaios) têm seus valores. Não chegaram até aqui por sorte", afirmou Gabriel, em entrevista coletiva, na qual em seguida ressaltou que o Botafogo precisa focar neste momento a partida que fará contra o Goiás, no domingo, às 16 horas, no Serra Dourada, em Goiânia, pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro.

"Primeiro teremos um jogo no domingo para depois pensarmos neles (paraguaios). A gente está nessa competição (sul-americana) para enfrentar qualquer equipe. Temos de respeitar essa equipe. Pode não ser muito conhecida, mas também tem profissionais. Nosso pensamento está no domingo para depois pensarmos no jogo seguinte", reforçou.

Após estrear com derrota para o São Paulo, o Botafogo emplacou três vitórias (sobre Bahia, Fortaleza e Fluminense) nas três rodadas seguintes do Brasileirão. E agora o volante alvinegro está confiante na conquista de um novo triunfo na capital goiana.

"Tivemos uma sequência agora muito boa para a confiança da equipe, um pouco mais de tranquilidade para o (o técnico Eduardo) Barroca poder trabalhar. Teremos agora um adversário muito complicado, mas quem pensa grande no campeonato também tem de pontuar fora. Vamos com muito respeito ao Goiás, mas para vencer a partida", projetou Gabriel.

Depois de o seu elenco folgar no domingo e na segunda-feira, o Botafogo iniciou na tarde desta terça a sua preparação para encarar o time goiano e hoje ocupa a quinta posição do Brasileirão, com nove pontos, apenas um atrás de Palmeiras, São Paulo e Santos, ponteiros da tabela. O Atlético-MG, com a mesma pontuação dos botafoguenses, figura em quarto lugar.

Tudo o que sabemos sobre:
Botafogofutebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.