Galego vira goleador no Paulista

Após boas atuações pelo Marília no último Campeonato Brasileiro da Série B, o lateral-esquerdo Galego foi uma das principais contratações do Paulista para a disputa do Paulistão deste ano. Apesar da grande expectativa, jogador e diretoria do time de Jundiaí não esperavam que os resultados viriam tão rápidos e, principalmente, na forma de gols. Mesmo atuando em uma posição onde ser goleador não é o principal objetivo, Galego fez os três da vitória de 3 a 1 sobre o Ituano no último domingo. "Fico muito feliz pelos gols marcados, mas ainda mais satisfeito de ver o Paulista recuperado depois da derrota para o Palmeiras", afirmou. Natural de Rio Claro, no interior paulista, Jeferson Alberto Ferreira, mais conhecido como Galego, de 28 anos, começou a carreira na Francana em 1999. Depois disso, perambulou por Botafogo-RJ (2000), Ponte Preta (2001), Inter de Limeira (2002), Santo André (2002) e Marília (2003). Galego teve pouco destaque na maioria dos clubes por qual passou, sendo que em algumas vezes saiu depois de muitas críticas, a exemplo de quando jogou na Ponte. Agora, em "uma nova casa" ele espera poder fazer a alegria da torcida jundiaiense. "Para o Paulista, o campeonato começou hoje", disse o motivado jogador, que espera ver seu time com uma das vagas do Grupo 2 para a segunda fase.

Agencia Estado,

26 de janeiro de 2004 | 17h19

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.