Rafael Ribeiro / vasco.com.br
Rafael Ribeiro / vasco.com.br

Galhardo entra e garante vitória do Vasco sobre Madureira na estreia do Carioca

Na próxima rodada, equipe cruzmaltina enfrenta o Volta Redonda em São Januário

Redação, Estadão Conteúdo

19 Janeiro 2019 | 19h33

O Vasco estreou com vitória na Taça Guanabara, o primeiro turno do Campeonato Carioca, graças à estrela de Thiago Galhardo. O meia entrou no segundo tempo contra o Madureira e precisou de apenas um minuto em campo para marcar o gol da vitória por 1 a 0, neste sábado, no estádio de Conselheiro Galvão, no Rio de Janeiro. O adversário jogou com um a menos desde os 12 minutos do segundo tempo, quando Marcelo Alves foi expulso. São os primeiros pontos vascaínos no Grupo B.

O primeiro jogo da temporada vascaína foi aproveitado pelo técnico Alberto Valentim para fazer testes com os novos reforços e garotos da base. Um dos nomes de destaque foi o volante Lucas Mineiro, além do meia Marrony e do atacante Ribamar, que deram uma movimentação interessante à equipe.

O Vasco começou o jogo com bastante dificuldade e errou muitos passes ainda no campo de defesa. Com o tempo, conseguiu diminuir a quantidade de erros, mas não imprimiu grande superioridade. A melhor alternativa encontrada para levar algum perigo ao adversário foi a velocidade de Ribamar e Marrony.

Debaixo de forte calor, o Madureira também não apresentou um futebol vistoso. Ainda assim, teve a melhor chance do primeiro tempo, aos 23 minutos, quando Cláudio Maradona se antecipou a Danilo na área, cabeceou e acertou a bola no travessão do goleiro Fernando Miguel.

Mas o Vasco voltou melhor para o segundo tempo, com maior presença no campo de ataque. Mas deu alguns espaços para o time da casa e levou sustos. O cenário ficou mais favorável para os vascaínos a partir dos 12 minutos com a expulsão do zagueiro Marcelo Alves após receber o segundo cartão amarelo.

Aos 21 minutos, Alberto Valentim colocou Thiago Galhardo no lugar de Dudu, em substituição que arrancou aplausos da torcida e logo se justificou. No primeiro minuto em campo, o meia recebeu de Marrony e bateu de chapa para marcar um belo gol.

Depois disso, o jogo seguiu aberto e o Madureira soube reagir, tanto que acertou mais uma bola no travessão, aos 28 minutos, em chute de Everton. Por fim, os donos da casa sentiram a inferioridade numérica e apenas se seguraram lá atrás para não sofrerem mais gols.

Nesta quarta-feira, o Vasco recebe o Volta Redonda, às 21h30, no estádio de São Januário, no Rio de Janeiro, pela segunda rodada. À tarde, às 16 horas, o Madureira sai diante da Portuguesa, na Ilha do Governador.


FICHA TÉCNICA


MADUREIRA 0 x 1 VASCO

MADUREIRA - Jonathan; Valdir, Ivan Cañete, Marcelo Alves e Felipe Saturnino; Levi, Everton e Rodrigo Dantas (Maikon Aquino); Luciano Naninho (Rezende), Welber (Júnior Lopes) e Claudio Mara. Técnico: Antônio Carlos Roy.

VASCO - Fernando Miguel; Raúl Cáceres (Claudio Winck), Werley, Leandro Castán e Danilo Barcelos; Raul, Lucas Mineiro, Yan Sasse (Dudu)(Thiago Galhardo) e Marrony; Ribamar. Técnico: Alberto Valentim.

GOL - Thiago Galhardo, aos 22 minutos do segundo tempo.

CARTÃO AMARELO - Werley (Vasco).

CARTÃO VERMELHO - Marcelo Alves (Madureira).

ÁRBITRO - Marcelo Henrique de Lima.

RENDA - R$ 54.630,00.

PÚBLICO - 1.850 pagantes.

LOCAL - Estádio de Conselheiro Galvão, no Rio de Janeiro (RJ).

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.