Galliani irá a Barcelona para fechar contratação de Ronaldinho

Jornal italiano garante que negociações entre o jogador e o Milan já estão praticamente fechadas

EFE

12 de abril de 2008 | 10h26

O vice-presidente executivo do Milan, Adriano Galliani, anunciou que viajará na semana que vem para Barcelona, onde espera fechar a contratação do meia-atacante brasileiro Ronaldinho Gaúcho. Galliani explicou na noite desta sexta-feira, em declarações ao canal de televisão "Sky TG24", antes de se reunir pela segunda vez nesta semana com Roberto Assis, irmão e representante do jogador, que após chegar a um acordo sobre a transferência, viajará à Espanha para se reunir com dirigentes do Barcelona.   Por sua parte, Assis disse que Ronaldinho Gaúcho ficou "impressionado" com estes primeiros contatos com o Milan, e que agora está tentando resolver sua situação junto ao Barcelona.   Embora nenhuma das duas partes tenha confirmado um acordo, o periódico "Gazzetta dello Sport" assegura neste sábado que as negociações entre o jogador e o clube já estão praticamente fechadas.   Segundo o diário esportivo, o Milan oferece a Ronaldinho Gaúcho um contrato até 2012, no valor de 8 milhões de euros por temporada, restando por acertar apenas algumas cláusulas.   A "Gazzetta dello Sport" assinala que o Barça pretende receber 30 milhões de euros pelo meia-atacante, ao tempo que o Milan oferece um valor mais baixo, que inclusive poderia ser de 16 milhões, caso se recorra ao artigo 17 do regulamento de transferências da Fifa, que permite a um jogador romper unilateralmente seu contrato após três anos de vigência.

Tudo o que sabemos sobre:
Ronaldinho GaúchoBarcelona FCMilan

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.