Divulgação
Divulgação

Gallo chama João Pedro e corta Cláudio Winck na seleção olímpica

Machucado, jogador do Inter dá lugar ao lateral palmeirense 

Estadão Conteúdo

27 Março 2015 | 12h05

A seleção brasileira olímpica sofreu um corte de última hora para os seus dois primeiros compromissos em 2015. Nesta sexta-feira, mesmo dia do amistoso contra o Paraguai, em Vitória, o técnico Alexandre Gallo cortou o lateral-direito Cláudio Winck, do Internacional, por causa de uma lesão, como explicou o médico da seleção, Paulo Forte. A lesão na coxa direita foi sofrida durante o último treinamento da equipe antes do duelo na capital do Espírito Santo.

"No treino de quinta-feira, Cláudio Winck ao bater na bola sentiu uma dor na região anterior da coxa direita. Após ressonância magnética nesta manhã foi constatada uma área de edema e estiramento com comprometimento das fibras do músculo reto femural. Em função disso é necessário um período de tratamento para sua completa recuperação. O atleta retorna hoje para seu clube e dá continuidade no tratamento amanhã pela manhã, conforme entendimento com departamento médico do Internacional, de Porto Alegre", afirmou. 

Sem Cláudio Winck, Gallo convocou o lateral-direito João Pedro, do Palmeiras, que já estará à disposição do técnico para o amistoso desta sexta-feira. Inicialmente, o treinador havia convocado dois jogadores da posição para os amistosos, sendo Maicon, do italiano Livorno, o outro. Mas o lateral do Inter era o favorito para ser titular da seleção olímpica. Agora, porém, Maicon deve começar jogando. 

Além do amistoso desta sexta-feira com o Paraguai, o Brasil vai disputar outro amistoso nos próximos dias. No domingo, a equipe dirigida por Gallo vai encarar o México, em São Luís, no Castelão.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.