Gallo comemora vitória do sub-19 do Brasil em amistoso

Jogo marca a reinauguração do estádio Zerão

Agência Estado

16 de fevereiro de 2014 | 15h38

MACAPÁ - Enquanto os olhos do País estão voltados para a inauguração dos estádios da Copa, o Zerão, principal palco do futebol no Amapá, foi reinaugurado neste sábado, depois de uma reforma que começou em 2006 e demorou quase oito anos para ser concluída. Com a presença do ministro Aldo Rebelo, a seleção brasileira sub-19 goleou a "seleção amapaense" por 5 a 1.

Com capacidade para cerca de 10 mil pessoas, o Estádio Milton Corrêa, chamado de "Zerão" porque fica sobre a Linha do Equador, foi inaugurado com problemas. Dos seis gols da partida, em quatro a bola cruzou a rede do gol como se ela simplesmente não existisse. Nos outros dois, só não furou a rede por falta de força mesmo.

"A gente fez um único treino tático. O jogo foi importante para medir a individualidade de cada atleta no conjunto. Pra ver como ele se desenvolve, se sente a camisa da seleção. No aspecto geral foi muito bom", comentou o técnico Alexandre Gallo, que só convocou atletas nascidos em 1995 e 1996 e que, portanto, terão idade para disputar o Mundial Sub-20 do ano que vem.

Os gols brasileiros foram feitos pelos principais jogadores do time: Nathan, Carlos (que vão jogar a Libertadores respectivamente pelos Atléticos Paranaense e Mineiro), Ewandro (duas vezes) e Boschilia (dois atletas que fazem parte do grupo principal do São Paulo e estão jogando o Paulistão).

Tudo o que sabemos sobre:
futebolseleção brasileira sub-19

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.