Wilton Junior/Estadão
Wilton Junior/Estadão

Gallo monta seleção olímpica com dupla que jogou clássico espanhol

Rafinha e Lucas Silva são parceiros no meio de campo da equipe

Estadão Conteúdo

24 Março 2015 | 20h01

No domingo, Rafinha e Lucas Silva foram rivais no clássico entre Barcelona e Real Madrid no Camp Nou. Nesta terça-feira, treinaram em Vitória (ES) como parceiros de meio-campo na seleção brasileira olímpica. Os dois são os principais nomes do time que está sendo montado pelo técnico Alexandre Gallo para amistosos contra as equipes sub-23 de Paraguai e México.

Treinando em Vitória, palco da partida contra o Paraguai, sexta-feira, Gallo fez algumas modificações na comparação com as equipes escaladas nos amistosos do fim do ano passado. Ele preteriu o volante Fred e o meia Anderson Talisca, dois jogadores convocados por Dunga para a seleção principal, para colocar no time o são-paulino Rodrigo Caio e o cruzeirense Alisson.

Rodrigo Caio foi o melhor jogador do Torneio de Toulon, em meados do ano passado, mas ficou todo o segundo semestre sem atuar por conta de uma cirurgia. Homem de confiança de Gallo, deve retomar a titularidade.

Na zaga, como Dória foi cortado, o desconhecido Rodrigo Ely, do Avelino, de segunda divisão da Itália, entrou na equipe titular, que ficou escalada com: Jacsson, Cláudio Winck, Rodrigo Ely, Wallace e Wendell; Rodrigo Caio, Lucas Silva, Felipe Anderson, Rafinha e Alisson; Vitinho.

A seleção olímpica do Brasil joga às 21h30 de sexta-feira contra a seleção sub-23 do Paraguai, em Vitória. Depois, no domingo, às 17h, o time brasileiro enfrenta a equipe olímpica do México, em São Luis, no Maranhão.

Mais conteúdo sobre:
futebol seleção olímpica Gallo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.