Gallo preocupado com marcação santista

O técnico Gallo espera um Santos forte na marcação contra a Universidad de Chile, fora de casa, pelas oitavas-de-final da Libertadores. Ele não quis confirmar a equipe que joga na quinta-feira, mas deverá optar pelo trio Fabinho, Zé Elias e Bóvio no meio-de-campo, com o terceiro mais livre para chegar ao ataque."O Gallo tem me confiado a tarefa de chegar um pouco mais ao ataque sem, no entanto, abrir mão da marcação. Estou cada vez mais à vontade na função", disse Bóvio.O treinador sabe que enfrentará um time bem mais técnico do que o Danúbio, por exemplo, adversário da fase anterior. E precisa ter consistência no meio-de-campo. "A Universidad toca bem a bola e estará motivada por sua torcida, que incentiva muito o time. Teremos de nos precaver", avisou Leão.O lateral-esquerdo Léo também acha que o Santos deve ter atenção no setor defensivo. Mas prega a necessidade de o time não abrir mão de suas características ofensivas. O lateral-direito Paulo César, que, machucado, não enfrentou o Flamengo, está recuperado. Mas o zagueiro Leonardo segue sem condições.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.