Gallo refaz lista do Brasil sub-21 só com 'estrangeiros'

Mudança na seleção olímpica beneficiou clubes como Santos e Atlético-MG, que estão disputando as semifinais da Copa do Brasil

MARCIO DOLZAN E RONALD LINCOLN JR., O Estado de S. Paulo

23 de outubro de 2014 | 13h29

Não foi apenas a seleção principal que divulgou sua lista de convocados nesta quinta-feira levando em conta os apelos dos clubes brasileiros. Menos de duas horas após Dunga anunciar que somente jogadores que atuam no exterior seriam chamados, o técnico Alexandre Gallo seguiu a mesma orientação e praticamente mudou toda a lista de jogadores da seleção olímpica (sub-21) que havia anunciado na última segunda.

A mudança beneficiou clubes como Santos e Atlético-MG, que estão disputando as semifinais da Copa do Brasil e perderiam Gabriel e Carlos, respectivamente, e o Vasco, que briga pelo acesso à Série A e perderia o atacante Thalles.

Durante a coletiva da seleção principal, o coordenador-geral Gilmar Rinaldi já havia antecipado que a lista de Gallo seria modificada. "Houve esta preocupação (de ouvir os clubes). A gente teve uma reunião e o Gallo está tomando providências. A prioridade é que os clubes façam seus campeonatos, por isso o Gallo vai fazer uma reconvocação", disse.

Pouco depois, foi a vez do técnico da seleção olímpica revelar, em uma rede social, que faria ampla mudança em sua lista. "Em reunião ontem (quarta) na CBF e seguindo a mesma linha de trabalho da seleção principal, todos atletas que jogam no Brasil estão desconvocados", publicou Gallo.

Com isso, a lista mudou quase que na íntegra. Dos 23 convocados, apenas Lucas Evangelista, da Udinese, e Danilo, do Braga, permaneceram. Ainda assim, um atleta que atua no Brasil - o goleiro Jacson, da base do Inter - está na nova lista.

Confira a lista de convocados da seleção olímpica:

Goleiros - Ederson(Rio Ave) e Jacsson (Internacional);

Zagueiros- Wallace(Monaco), Dória (Olympique de Marselha), Eli Rodrigo(Avelino) e Dudu(Kashiwa Reysol);

Laterais- Fabinho(Monaco), Maicon (Livorno), Wendell (Bayer Leverkusen) e Vinícius (Perugia);

Meio-campistas - Danilo(Braga), Alef(Olympique de Marselha), Filipe Augusto (Valencia), Lucas Evangelista (Udinese), Rafael Alcântara(Barcelona) e Talisca(Benfica);

Atacantes- Kelvin (Porto), Felipe Anderson(Lazio), Wellington Silva (Almería), Rayder Matos (Córdoba), Felipe Gedoz (Bruges) e Vinícius Araújo (Standard Liège).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.