Rubens Chiri/Divulgação
Rubens Chiri/Divulgação

Ganso festeja 'alegria enorme' ao acertar com São Paulo

'Um desejo realizado. Agradeço o interesse dos outros clubes, mas o São Paulo mexeu comigo', afirmou o jogador

AE, Agência Estado

21 de setembro de 2012 | 08h29

SÃO PAULO - Depois de uma longa novela, o São Paulo enfim pôde anunciar de forma oficial, na madrugada desta sexta-feira, a contratação de Paulo Henrique Ganso como mais novo reforço de peso do clube. O agora ex-jogador do Santos assinou contrato por cinco temporadas e festejou o acordo após uma negociação que se arrastou até o último dia de inscrições de jogadores no Campeonato Brasileiro, que é justamente esta sexta.

Ao confirmar a contratação por meio do seu site oficial, o São Paulo destacou que a vontade de Ganso atuar pelo time do Morumbi acabou prevalecendo, assim como o próprio atleta enfatizou após firmar compromisso com o time.

"Estou muito feliz. Uma alegria enorme. Um desejo realizado. Desde que o São Paulo mostrou interesse em me contratar, minha disposição era acertar logo. Agradeço o interesse dos outros clubes, mas o São Paulo mexeu comigo. Agora que deu tudo certo, não vejo a hora de retribuir todo esse esforço da diretoria dentro de campo e representar bem a nação tricolor", ressaltou Ganso, que vestirá a camisa 8 são-paulina, a mesma que um dia foi de Kaká, um dos maiores ídolos do meio-campista.

No site oficial do clube, o craque posou com uma camisa branca do São Paulo segurando uma outra, listrada, nas mãos, para a qual apontou para a inscrição PH Ganso nas costas. E, ao trocar a Vila Belmiro pelo Morumbi, ele irá traçar a mesma rota de outros craques, como é o caso do ex-meia Pita, que brilhou pelo Santos antes de fazer história também pelo time são-paulino. E Ganso revelou que o próprio ex-atleta o aconselhou a aceitar o desafio de trocar de time, apesar de ter se tornado um ídolo da torcida santista e se consagrado com cinco títulos - três do Paulistão, um da Copa do Brasil e outro da Copa Libertadores.

"O que mais pesou (para a ida ao São Paulo) foi o histórico do clube, com sua história de grandeza, conquistas e ídolos. Muitas pessoas conversaram comigo, como o Pita, que mostrou como foi importante o São Paulo na carreira dele", enfatizou o craque.

Ganso ainda admitiu que chegou a ficar apreensivo durante a longa negociação que envolveu Santos, São Paulo e a DIS, empresa que detém uma fatia dos direitos econômicos do atleta, mas assegurou que sempre acreditou que as partes entrariam em acordo para ele poder vestir a camisa do São Paulo. O clube, inclusive, assegurou que ele abriu mão de "propostas financeiras mais vantajosas" para realizar o sonho de atuar pelo clube do Morumbi.

"Em determinado momento da negociação fiquei preocupado de tão cansativa que ela (a negociação) estava, mas nunca desisti. Foi tudo feito de forma consciente e da maneira correta e hoje posso dizer que estou muito feliz por acertar com o São Paulo", comemorou.

Ao oficializar a contratação, o São Paulo confirmou que Paulo Henrique Ganso deverá ser apresentado aos torcedores do clube neste domingo, antes da partida contra o Cruzeiro, marcada para começar às 16 horas, no Morumbi, pela 26.ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.