Gareca confirma Valdivia e deixa Cristaldo no banco

Técnico do Palmeiras entende que o meia chilena precisa jogar para ganhar condição e se equiparar com os demais atletas da equipe

DANIEL BATISTA, O ESTADO DE S.PAULO

15 de agosto de 2014 | 12h26

O técnico Ricardo Gareca não quis confirmar o time do Palmeiras para enfrentar o São Paulo, domingo, no Pacaembu, pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro, mas deu pistas da formação que começa o clássico. Em entrevista realizada na manhã desta sexta-feira, na Academia de Futebol, o treinador confirmou a presença do meia Valdivia entre os titulares e do atacante Cristaldo no banco de reservas.

"Penso que pela sugestão do preparador físico, o Valdivia necessita jogar, porque ele está muito atrasado. Ele tem de jogar já e isso vai favorecer sua condição física e futebolística. Jogar 20 ou 30 minutos não ganha tempo e não tem muito resultado. Ele tem de atuar até onde aguentar. É provável que Valdivia não consiga jogar os 90 minutos", analisou o treinador palmeirense, que pretende ter mais cautela com o recém-contratado Cristaldo.

O atacante de 25 anos está bem fisicamente, mas não o suficiente para iniciar uma partida pelo Palmeiras. "Confirmo o time amanhã (neste sábado), pois tenho alguma dúvida ainda. Cristaldo tem possibilidade de entrar durante o jogo", explicou. Gareca não quer escalar Cristaldo como titular, pois sabe que seria obrigado a fazer duas alterações durante o jogo e isso poderia atrapalhar o rendimento do Palmeiras no Pacaembu. Por isso, prefere deixar só Valdivia entre os titulares, que provavelmente sairá no segundo tempo.

Assim, o Palmeiras vai a campo neste domingo com a seguinte escalação: Fábio; Wendel, Lúcio, Tobio e Victor Luis; Renato, Marcelo Oliveira, Valdivia e Allione; Mouche e Henrique.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.