Gareca saca Leandro e Wesley e coloca Valdivia de titular no Palmeiras

Técnico sabe que precisa ganhar do São Paulo domingo para não figurar, pela primeira vez, na zona de rebaixamento do Nacional

DANIEL BATISTA, O Estado de S.Paulo

14 de agosto de 2014 | 11h57

O técnico Ricardo Gareca comandou na manhã desta quinta-feira um treinamento coletivo com novidades na Academia de Futebol do Palmeiras. O volante Wesley e o atacante Leandro foram mandados para o time reserva e em seus lugares entraram, respectivamente, Marcelo Oliveira e Mouche. Outra novidade foi a entrada de Valdivia no lugar de Felipe Menezes, como acenava o treinador.

Antes do treinamento, o Gareca conversou reservadamente com o elenco por cerca de 15 minutos. Depois de um aquecimento, o técnico separou a equipe em três grupos e definiu o provável time titular para o clássico com o São Paulo, domingo, no Pacaembu, pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro. Wesley, Leandro e Felipe Menezes ficaram entre os reservas, junto com Cristaldo, que será apresentado nesta quinta e aguarda regularização na CBF para poder jogar contra os são-paulinos, pelo menos no segundo tempo.

O meia Valdivia treinou normalmente entre os titulares e mostrou boa disposição. O Palmeiras que começou a atividade teve a seguinte formação: Fábio; Wendel, Lúcio, Tobio e Victor Luis; Renato, Marcelo Oliveira, Valdivia e Allione; Mouche e Henrique. A equipe reserva foi formada por Deola; Weldinho, Victorino, Gabriel Dias e Juninho; Josimar, Wesley, Felipe Menezes e Mendieta; Leandro e Cristaldo.

No segundo tempo do coletivo, Cristaldo foi testado no lugar de Henrique. Em outro campo, Bruno Cesar, Patrick Vieira, Emerson Júnior, Mazinho, Bernardo, Diogo e Eguren fizeram um treinamento separado na primeira parte da atividade e entraram na equipe reserva na segunda. 

Com 14 pontos em 14 jogos, o Palmeiras ocupa a 14ª posição do Campeonato Brasileiro e corre o risco de entrar na zona de rebaixamento neste fim de semana. A equipe terá pela frente um São Paulo pressionado a obter um bom resultado não só para ter chances de entrar no G-4, mas também por causa da surpreendente eliminação sofrida diante do Bragantino, amargada na última quarta-feira, no Morumbi, pela Copa do Brasil. O time são-paulino é quinto colocado na tabela, com 23 pontos.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolPalmeirasbrasileirão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.