Pilar Olivares/Reuters
Pilar Olivares/Reuters

Gareca vê jogo com a Bolívia como decisivo e prevê Maracanã 'vazio'

Com um ponto, seleção peruana sabe que precisa da vitória para não se complicar contra o Brasil na última rodada

Marcio Dolzan, Estadão Conteúdo

17 de junho de 2019 | 22h54

Mesmo prevendo um estádio vazio, o técnico do Peru, Ricardo Gareca, encara a partida desta terça-feira diante da Bolívia, no Maracanã, como decisiva. Após um empate sem gols na estreia, os peruanos precisam vencer o jogo para não correrem o risco de ver ameaçada a classificação à próxima fase da Copa América.

"É uma partida muito importante. Na última rodada definimos com o Brasil, por isso é necessário buscar uma vitória contra a Bolívia. É nisso que vamos nos concentrar", disse Gareca na noite desta segunda-feira.

O treinador prometeu que a equipe irá atacar a Bolívia. "Sempre saímos com a intenção de buscar o jogo, buscar a vitória. É a nossa mentalidade, é o que sempre fizemos", afirmou Gareca. "Tivemos quase três vezes mais situações de gol que a Venezuela, sem contar os dois gols que anularam. Vamos tentar manter nossa maneira de jogar."

Ao mesmo tempo em que destacou o caráter decisivo da partida, Ricardo Gareca também previu um estádio com muitos clarões nesta terça, assim como fora no jogo de domingo, ente Paraguai e Catar. "O Maracanã é imponente. Com certeza, vamos encontrar um estádio vazio", considerou, destacando que as torcidas de Peru e Bolívia não deverão estar em grande número no Rio de Janeiro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.