Ricardo Duarte|Divulgação
Argel faz a festa após a conquista do hexacampeonato gaúcho Ricardo Duarte|Divulgação

Gaúchos buscam título com técnicos de passagens marcantes

Grêmio e Internacional apostam em Roger e Argel, respectivamente, e também em suas categorias de base

Fábio Hecico e Vanderson Pimentel, O Estado de S. Paulo

14 de maio de 2016 | 05h00

Grêmio mantém elenco mantido para repetir 2015

O Grêmio passou grande parte do campeonato passado lutando pelas primeiras colocações. Fechou a competição em terceiro e, com a manutenção de quase todos os titulares, mais a chegada de alguns bons valores, como o zagueiro Fred, destaque do Goiás, e os atacantes Henrique Almeida e Bolaños, a expectativa é a de que o time caminhe entre os melhores e, quem sabe, possa até chegar mais longe. O técnico Roger Machado repetirá seu forte meio de campo com Maicon, Giuliano e Douglas, e ainda tem jovens de talento para o ataque, casos de Everton, Pedro Rocha e Luan.

Internacional entra sem medo de apostar nos jovens

Com medalhões nas últimas edições, o Inter largou como favorito e decepcionou no Brasileirão. A direção, então, resolveu apostar nas suas 'crias da base' para 2016. A equipe deste ano vai investir na juventude. São muitos garotos na casa dos 20 anos com a missão de buscar uma taça que não vem para o Beira-Rio desde 1979. Para acabar com o quase, nomes como Andrigo, Artur, Valdivia, Bertollo e William, da base, além dos também novos Vitinho e Sasha são a esperança. O técnico Argel mesclará esta juventude com uma defesa de mais experiência e o meia Anderson na criação.

Tudo o que sabemos sobre:
GrêmioInternacional

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.