Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Geninho acredita que Atlético-PR recuperou auto-estima

O Atlético-PR conseguiu mais que uma vitória neste sábado, sobre a Portuguesa, na Arena da Baixada. Além de tirar o time da zona de rebaixamento, o triunfo por 2 a 0 recuperou o bom futebol do clube paranaense. Para o técnico Geninho, que fez sua estréia no comando da equipe, a confiança maior é fruto da auto-estima dos jogadores. "Pedi que tentassem fazer e não exigi que fizessem, recuperei a auto-estima deles. O grupo tinha que achar que pode. O grupo não deve nada pra muita gente. O time acreditou que podia vencer", disse Geninho, que vê agora o seu time na 15.ª posição, com 26 pontos."O que fez a diferença foi o entendimento que os atletas tiveram do que conversamos antes do jogo. O time veio pegando mais, marcando mais, saindo um pouco mais rápido. Eu acho que todos tinham consciência que a vitória era fundamental", completou o treinador sobre o triunfo, conquistado com gols de Júlio César e Antônio Carlos.Na próxima rodada, porém, o Atlético enfrenta um adversário mais forte, já que a vitória deste sábado mandou a Portuguesa para a lanterna do Brasileirão. No domingo, dia 21, o time paranaense recebe o líder Grêmio na Arena, precisando da vitória para se afastar da zona de rebaixamento."O nível técnico vai trazer dificuldade. E vamos enfrentar adversários de nível técnico bom. O resultado do Grêmio não ajudou em nada, já que ele perdeu em casa e vai vir aqui mordido", afirmou Geninho, lembrando que o líder do Brasileirão perdeu a primeira no Olímpico, neste sábado, ao ser derrotado pelo Goiás, por 2 a 1.

AE, Agencia Estado

13 de setembro de 2008 | 22h35

Tudo o que sabemos sobre:
futebolAtletico-PRBrasileirão

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.