Geninho critica Deivid por expulsão

O técnico Geninho criticou o atacante Deivid pela expulsão no empate do Santos com o Botafogo, quarta-feira, na abertura das semifinais do Rio-São Paulo. Para ele, faltou experiência ao jogador."Essa expulsão acabou prejudicando o time", disse Geninho, esperando a hora certa para conversar com Deivid. "O jogador precisa ter mais tranqüilidade, já que foi expulso menos de cinco minutos depois de ter entrado em campo e quando o time passou a ser mais pressionado pelo adversário com um jogador a mais". Geninho, no entanto, confirmou a escalação de Deivid no lugar do suspenso Rodrigão para o jogo de sábado contra a Portuguesa, pelo Campeonato paulista. Deivid diz que não merecia ter sido expulso. "Eu não havia feito nada para ele, levei uma cotovelada e acabei dando um pequeno empurrão nele, que valorizou o lance, provocando minha expulsão".No jogo de sábado, Geninho poderá contar novamente com seus três zagueiros, já que Gálvan volta depois de cumprir suspensão. Nesta quinta-feira, o treinador destacou a importância de Galván em seu esquema tático, citando o segundo gol do Botafogo, no qual Pereira perdeu a disputa para Taílson na intermediária, no momento em que Claudiomiro e André Luís estavam em linha. "Se Galván estivesse no jogo, teria feito a cobertura, pois faz bem o trabalho de ficar na sobra", disse ele, lembrando que, no começo da temporada, seu time não sofreu gols nos jogos em que conseguiu escalar a zaga com três jogadores da posição".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.