Geninho diz que lutará até o fim para erguer Atlético-PR

O técnico Geninho reconhece as dificuldades, mas promete que lutará até a última rodada para manter o Atlético-PR na primeira divisão do Campeonato Brasileiro. Com 28 pontos conquistados, o clube ocupa a 17ª posição, e fará cinco de seus nove jogos restantes fora da Arena da Baixada."Já passei por situações ruins e tudo foi superado. Eu vou lutar até o final e vai ser duro me colocar no chão", afirmou o técnico, negando que deixará a equipe caso a situação se agrave nas próximas partidas."Eu acredito realmente que temos chances de permanecer na primeira divisão sim. Não faço parte daquele grupo de pessimistas. Sei que complicamos a nossa situação, mas eu acredito no meu trabalho e nas pessoas que estão comigo", disse Geninho.O treinador é o quarto comandante da equipe paranaense no torneio, e assumiu o lugar de Mário Sérgio - antes, Ney Franco e Roberto Fernandes passaram pelo clube.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.