Geninho estuda proposta do Coritiba

Geninho recebeu proposta para ser o novo técnico do Coritiba, onde ganharia mais do que atualmente no Santos. Ele tem prazo até amanhã à noite para responder ao clube paranaense, que será o próximo adversário do Santos (domingo, na Vila Belmiro) no Campeonato Brasileiro. O treinador disse que a sua intenção é permanecer na Vila Belmiro e dar prosseguimento ao seu trabalho, mas sabe que corre o risco de ser demitido se o time do Santos não apresentar os resultados que a diretoria espera, depois das contratações de Viola, Válber, Wagner e Cléber.Minha preferência é continuar no clube mas, infelizmente, no futebol vive-se de resultados.Por isso não se pode fechar as portas para ninguém. Como fiz um bom trabalho no Paraná, sempre sou lembrado quando um técnico sai de um dos três clubes principais de lá. Fiquei feliz por ter sido lembrado para substituir Ivo Wortmann, que foi para o Cruzeiro, porém no momento estou ligado ao Santos." O presidente do Santos, Marcelo Teixeira, esclareceu hoje que a possível contratação de Marcelinho Carioca, por empréstimo até o final do ano, está desvinculada de qualquer outra negociação. "Não é verdade que Dodô por ser cedido ao Corinthians em troca de Marcelinho ou que o Santos retiraria a ação em que pede os 50% a quem direito na venda de Deivid como compensação." O dirigente acredita que o destino de Dodô será o Nápoli, da Itália. Juan Figer, procurador do jogador, está cuidando do assunto e há possibilidade de o centroavante ser emprestado por um ano. Outro clube que está interessado em Dodô é o Grêmio-RS. O lateral-esquerdo Rogerinho, um dos cinco jogadores do Roma, de Barueri, que estavam em testes na Vila Belmiro, não será mais contratado. A explicação é que não houve acordo com o Roma e o Juventus, aos quais o atleta está vinculado, para que o Santos comprasse 50% do passe.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.