Geninho muda Atlético-PR para tentar vencer o Flamengo

O técnico Geninho promoverá várias alterações no Atlético Paranaense que enfrenta o Flamengo, neste domingo, às 16 horas, no Maracanã, com o objetivo de conseguir a primeira vitória e sair da última colocação do Campeonato Brasileiro. A principal novidade é o retorno do volante colombiano Valencia, que ficou cerca de dois meses longe dos gramados em razão de uma cirurgia na clavícula.

EVANDRO FADEL, Agencia Estado

31 de maio de 2009 | 08h48

"Ele treinou bem, chegou a levar alguns trancos, capotou e não reclamou nada, o que nos levar a crer que esteja em perfeitas condições de jogo", disse Geninho. Para Valencia entrar, Chico volta à defesa, em sua posição original.

As falhas do goleiro Galatto na derrota para o Náutico levaram-no ao banco de reservas e Vinícius assume o posto. Na defesa, Rhodolfo retorna após recuperar-se de contusão. O meia paraguaio Julio dos Santos entra no time com a responsabilidade de armar as jogadas.

Marcinho precisou ser deslocado para o ataque, devido à contusão de Wallyson, que deve ficar pelo menos três semanas de fora. O técnico ainda pode ser obrigado a realizar outra alteração, pois Rafael Moura contundiu-se no treinamento de sexta-feira. Se não puder atuar, Patrick, recém-promovido dos juniores, pode iniciar uma partida no time titular pela primeira vez.

Em razão da possibilidade de o atacante Adriano estrear no Flamengo, Geninho pediu muita atenção aos seus comandados. "É um jogador que tem que ser marcado sem muito espaço", alertou. "Não deve vir com aquele ritmo todo, mas tem muita qualidade e temos que tomar cuidado".

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.