Geninho quer Atlético-PR melhor fora de casa

Diante do fantasma do rebaixamento, o técnico Geninho não vê mais alternativas ao Atlético-PR além de vencer suas partidas em casa e ainda somar pontos longe de seus domínios. O time aparece na 18.ª posição, podendo não sair da zona de descenso mesmo vencendo na próxima rodada. Para piorar, a equipe vem de três derrotas, duas fora e uma em casa. "Se tivéssemos vencido o Fluminense, teríamos uma condição bem melhor. Então temos que correr atrás desses três pontos que perdemos em casa. E precisamos fazer isso na casa dos adversários para equilibrar a nossa campanha", disse Geninho. Neste sábado, o Atlético recebe o vice-líder Cruzeiro na Arena da Baixada, e o treinador atleticano pretende colocar sua equipe no ataque para evitar a 17.ª derrota no Brasileirão."Cada jogo que perdermos será complicado, porque precisamos urgentemente de pontos. Nossos adversários diretos estão marcando pontos e precisamos somar também. Temos que partir para cima do Cruzeiro, mesmo sabendo que será perigoso", afirmou o técnico.INDISCIPLINA - Também nesta terça-feira, o Atlético informou que novamente o zagueiro Danilo não se reapresentou ao clube. O jogador já era esperado nesta segunda, depois de ter sido suspenso por uma semana pela diretoria. Danilo abandonou a concentração pouco antes do jogo contra o Fluminense, sendo punido posteriormente.À época, Geninho chegou a dizer que não contava mais com o zagueiro para a seqüência do Brasileirão. Mesmo assim, a diretoria esperava seu retorno nesta semana. Com o novo ato de indisciplina, o Atlético comunicou que estuda tomar medidas contra o atleta no âmbito da Justiça do Trabalho.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.