Geninho relembra disk e cutuca Farah

Mesmo preocupado em evitar comentários sobre a polêmica em relação aos problemas financeiros que envolvem o Corinthians e a Federação Paulista de Futebol (FPF), o técnico Geninho não conseguiu se conter nesta sexta-feira. Em meio aos comentários sobre as eventuais dívidas de uma parte contra a outra, o treinador campeão paulista cutucou o presidente da entidade, Eduardo José Farah. "Estão dizendo que o clube deve, mas o Corinthians tem muito dinheiro na federação", afirmou. "Não podemos esquecer aquela história do Marcelinho (Carioca), dos telefonemas."Geninho referiu-se ao Disk-Marcelinho, mecanismo criado pela FPF no início da temporada de 1998 para ?repatriar? o meia, que na época jogava no futebol espanhol. O sistema consistia em votação por intermédio de ligações telefônicas. O clube que obtivesse mais votos, ficaria com o atleta. O Corinthians venceu.Preocupação - Problemas administrativos à parte, no campo o treinador corintiano também tem problemas. Além da derrota para o Cruz Azul, trouxe do México três titulares contundidos. O lateral-esquerdo Kléber está com entorse no tornozelo esquerdo, enquanto o atacante Gil e o volante Fabinho sentem dores musculares. Todos serão reavaliados neste sábado para saber se jogarão domingo, às 18 horas, no Pacaembu, contra o Atlético-MG.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.