Giuseppe Cacace/AFP
Giuseppe Cacace/AFP

Genoa demite técnico e acerta com Cesare Prandelli, ex-seleção italiana

Equipe decidiu mudar o comando técnico após eliminação na Copa da Itália

Estadão Conteúdo

07 Dezembro 2018 | 12h30

Um dia depois da surpreendente eliminação na Copa da Itália, o Genoa anunciou nesta sexta-feira uma troca em seu comando. O clube demitiu o técnico Ivan Juric e, horas mais tarde, definiu a contratação de seu substituto, o experiente Cesare Prandelli, ex-seleção italiana.

Em meio a uma temporada decepcionante, o Genoa é apenas 14.º colocado do Campeonato Italiano, com 15 pontos, a quatro da zona de rebaixamento. A gota d'água para Juric, no entanto, foi a eliminação na Copa da Itália para o Virtus Entella, nos pênaltis, mesmo atuando em casa.

Juric ficou menos de dois meses no comando do Genoa. Contratado para a vaga de Davide Ballardini, ele conseguiu um surpreendente empate com a Juventus na estreia, dia 20 de outubro, mas não conseguiu vencer com a equipe. Em oito partidas, foram quatro empates e quatro derrotas.

Diante deste retrospecto, a diretoria apostou em um velho conhecido da torcida italiana. Prandelli tem passagens por clubes como Parma, Roma e Fiorentina. Foi na seleção nacional que ele ganhou destaque, levando-a ao vice da Eurocopa de 2012, mas caindo na primeira fase da Copa do Mundo dois anos mais tarde, no Brasil. De lá para cá, teve breves passagens sem sucesso por Galatasaray, Valencia e Al-Nasr.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.