George Weah vai ao 2.º turno na Libéria

O ex-jogador George Weah foi o candidato mais votado na eleição presidencial da Libéria, mas terá que disputar o segundo turno dia 8 de novembro por não ter conseguido a maioria absoluta dos votos. Computados as urnas de 2.781 das 3 mil zonas eleitorais do país, Weah tinha 257.027 votos (28,9%), contra 175.520 (19,7%) da candidata Ellen Johnson-Sirleaf.A votação foi realizada no dia 11. É a primeira eleição presidencial na Libéria depois da guerra civil que assolou o país durante 14 anos e terminou em 2003. Vinte e dois candidatos disputaram o pleito.Weah, que tem 39 anos, foi eleito o melhor jogador do mundo pela Fifa em 1995, quando jogava pelo Milan. Sua adversária no segundo turno tem 66 anos e é formada em economia.

Agencia Estado,

17 de outubro de 2005 | 19h50

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.