Gerd Müller critica Alemanha e diz que Brasil é favorito

Ídolo do futebol alemão está insatisfeito com decisões do técnico Joachim Loew para Copa da África

AE-AP, Agência Estado

30 de abril de 2010 | 14h02

Um dos principais jogadores da história do futebol alemão, Gerd Müller revelou nesta sexta-feira estar insatisfeito com a atual situação da seleção de seu país. Ele apostou ainda que o Brasil vencerá a Copa do Mundo da África do Sul.

O principal descontentamento de Müller, de 64 anos, é com o técnico Joachim Loew, sobretudo pela não convocação do atacante brasileiro naturalizado alemão Kevin Kuranyi, do Schalke 04. "Enquanto Loew estiver no comando, não teremos nosso melhor time. Kuranyi é o grande artilheiro agora. Não temos uma boa equipe", lamentou.

Questionado em seguida sobre quem era o principal favorito para vencer o Mundial de 2010, Müller não pensou duas vezes e fez a sua aposta: "Brasil".

Pela seleção alemã, Müller conquistou a Copa do Mundo de 1974. Foi também durante muito tempo o maior artilheiro da história da competição com 14 gols, marca ultrapassada apenas em 2006 por Ronaldo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.