Eddie Keogh/Reuters
Eddie Keogh/Reuters

Gerrard sofre ameaça de morte em treino do Liverpool

Suposto fã invade atividade do time, discute com o jogador e diz que vai matar o meia e seus filhos

O Estado de S. Paulo

14 de setembro de 2013 | 19h27

LIVERPOOL - O Liverpool tem um jogo a menos que Arsenal e Tottenham e mesmo assim divide a liderança do Inglês com os rivais. No entanto, não está em paz. Neste sábado, o clube viveu momentos de terror em seu treino com a invasão de um torcedor que tinha como alvo o meia Steve Gerrard, ameaçado de morte pelo furioso desconhecido.

Gerrard treinava normalmente para o duelo de segunda-feira, diante do Swansea, quando o fã revoltado invadiu seu local de trabalho para protestar. Mesmo sendo alvo da ira do suposto admirador, o craque parecia calmo e disposto a não reagir.Apenas sugeriu a retirada do intruso. Mas quando ouviu “vou matar você e seus malditos filhos”, o jogador não se segurou e discutiu com o agressor.

Não satisfeito, o torcedor ainda prometeu incendiar a casa do camisa 8. “Eu sei onde você mora e vou colocar a sua casa abaixo.”Resta saber se o episódio vai atrapalhar o início arrasador do Liverpool, que venceu seus três primeiros jogos e agora desafia o Swansea no País de Gales.

Esta não foi a primeira vez que Gerrard se deparou com uma ameaça de morte. Em 2008, ele também teve de enfrentar algo parecido. À época, ele tentava reatar o namoro com Lauren Ashcruff e seu novo namorado, um mafioso apelidado de Psicopata, quebrou carros de sua propriedade e disse que o mataria. Só mudou de ideia quando o pai de Gerrard apelou para outro mafioso para dar fim ao episódio.

Tudo o que sabemos sobre:
futinterGerrardLiverpoolfutebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.