Ricardo Moraes/Reuters
Ricardo Moraes/Reuters

Gerson diz ter 'muito a melhorar' no Flamengo e evita projetar duelo da Libertadores

Volante afirma que time está com atenções voltadas para jogo contra o Fortaleza nesta quarta-feira

Redação, Estadao Conteudo

15 de outubro de 2019 | 13h40

O volante Gerson concedeu entrevista nesta terça-feira e exibiu humildade ao afirmar que ainda pode evoluir bastante, embora tenha se firmado como uma peça fundamental do meio-campo do Flamengo desde a sua chegada ao clube carioca. O time rubro-negro visitará o Fortaleza nesta quarta-feira, às 20 horas, na Arena Castelão, pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro.

"Fico feliz por apresentar um bom futebol. Estou contente pela confiança do mister (técnico Jorge Jesus), de todo o elenco e tenho muito ainda a melhorar, mas sempre com os pés no chão. Temos um jogo muito importante pela frente", disse o atleta.

E o jogador em seguida exaltou a necessidade de a sua equipe manter o foco no duelo desta quarta-feira e também no embate com o Fluminense, domingo, no Maracanã, pelas duas próximas rodadas do Campeonato Brasileiro, antes de concentrar as suas forças no confronto de volta da semifinal da Copa Libertadores, no dia 23, contra o Grêmio, no Rio.

"Temos um jogo muito importante agora contra o Fortaleza e depois o clássico contra o Fluminense. Temos compromissos e só depois vamos falar do Grêmio", enfatizou Gerson, que no último domingo ajudou o time flamenguista a bater o Athletico-PR por 2 a 0, em Curitiba, e fechar a 25ª rodada do Brasileirão com 48 pontos, oito à frente do vice-líder Palmeiras e com dez de vantagem para o Santos, o terceiro colocado.

RAFINHA TEM ALTA

Nesta partida contra a equipe atleticana na capital paranaense, o lateral-direito Rafinha sofreu uma fratura no rosto em uma dividida com Rony. Por causa do problema, ele foi submetido uma cirurgia na segunda-feira e na manhã desta terça recebeu alta do hospital onde foi internado.

Desfalque certo para esta partida diante do Fortaleza, o atleta também não deverá encarar o Fluminense no clássico, sendo que ainda não ter retorno ao Flamengo garantido para o duelo decisivo com os gremistas no próximo dia 23, no Maracanã. E só na quinta-feira, quando o jogador vai se reapresentar no CT flamenguista, os médicos do clube começarão a ter uma perspectiva mais clara sobre quando ele poderá atuar novamente.

Na Libertadores, o Flamengo terá a vantagem de poder empatar o jogo de volta da semifinal por 0 a 0 com o Grêmio, pois o duelo de ida do mata-mata acabou com o placar de 1 a 1, em Porto Alegre, e os gols marcados fora de casa têm maior peso para efeito de desempate em caso de igualdade no saldo após as duas partidas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.